Está chegando a hora de curtir e relaxar

14.07.2014

int-medical-ins   Julho é o mês carimbado para aquela viagem programada com a família, mas existem muitas coisas com as quais você precisa ter cautela antes de embarcar no avião. Se a viagem for, tanto para dentro do país como para o exterior, atente-se às orientações de saúde para não contrair ou transmitir qualquer doença que passe despercebida. Um dos alertas iniciais é informar-se sobre as condições climáticas e viróticas. Se há alguma restrição ou medida de controle, como a exigência de vacinas contra a Febre Amarela e/ou Poliomielite, é necessário ir o quanto antes à um posto de saúde e se vacinar. Certos países são restritamente rigorosos quanto ao “Certificado Internacional de Vacinação” para ingressar em seu território, por conta de viajantes que se locomovem de países com alto índice de Febre Amarela, sendo uma maneira de não proliferar a doença. Caso você não saiba se o país de destino possui esta norma, clique aqui e cheque agora mesmo. (http://www.riocomsaude.rj.gov.br/Publico/MostrarArquivo.aspx?C=meIiLUlv1qI%3d Uma vez já vacinado, dirija-se ao Centro de Orientação ao Viajante da Anvisa, levando o cartão Nacional de Vacinação e um documento de identidade, a emissão do certificado será efetuada no local. Importante: Tudo deve ser feito com bastante antecedência, pois existe um período de espera até vacina começar a fazer efeito. Fique atento! Após a vacinação e os primeiros cuidados, não se desatente. No percurso e em solo estrangeiro é indispensável a autovigilância. Durante o trajeto, qualquer sintoma fora da normalidade não deve ser ignorado. Não hesite em comunicar à equipe de bordo, para que as devidas providências sejam tomadas. Portadores de doenças crônicas ou adquiridas e que precisam transportar medicamentos, devem trazer consigo as respectivas prescrições médicas já intitulada com o nome do passageiro. Medicamentos que não necessitam de receita, não podem exceder 120ml. Já os diabéticos podem transportar insulina, uma vez que levem prescrição e que a quantidade não ultrapasse 148ml. Depois das duas fases já comentadas, o último item da lista de afazeres para ter uma viagem 100% segura é a higiene. Lave as mãos com água e sabão várias vezes ao dia, principalmente antes de ingerir alimentos, após utilizar transportes públicos, visitar mercados ou locais de muito fluxo de pessoas; Beba somente água mineral engarrafada; Evite adicionar gelo nas bebidas; Assegure-se que o alimento esteja bem cozido, frito ou assado; Evite o consumo de frutos do mar crus; Moluscos e crustáceos podem conter toxinas que permanecem ativas mesmo após a cozimento; Não consuma preparações culinárias que contenham ovos crus; Frutas e verduras que possam ser descascadas e cujas cascas estejam íntegras, podem ser consumidas cruas; Quando for consumir alimentos exóticos, seja prudente e não exagere; Evite o consumo de alimentos vendidos por ambulantes; Alimentos embalados devem conter no rótulo a identificação do produtor, data de validade e a embalagem deve estar íntegra.   Não se esqueça que em países com temperaturas mais quentes, é normal a presença de mosquitos e carrapatos. Por isso, não dispense essas recomendações:   Utilize roupas que protejam contra picadas de insetos: camisas de mangas compridas, calças e sapatos fechados; Aplique repelente à base de DEET (dietil-toluamida) nas áreas expostas da pele. O uso de repelente é contraindicado para crianças menores de dois anos de idade; Verifique atentamente no rótulo a concentração do repelente: ela define a frequência do uso; Lembre-se que o produto deverá ser reaplicado caso a pessoa se molhe ou transpire excessivamente e deve ser utilizado depois da aplicação do protetor solar; Antes de dormir tome banho para remover o resíduo de todos os produtos aplicados sobre a pele; Dê preferência a locais de hospedagem que possuam ar-condicionado, telas de proteção nas janelas ou utilize mosquiteiro sobre a cama.   Agora que você já sabe todas essas informações, assegure-se que está tudo certo e faça uma boa viagem! Imprima também o guia completo da Anvisa para viajante e guarde na mala. Boas férias! (http://goo.gl/S2KzpT)