Você sabe por que a conjuntivite é muito comum no verão?

23.01.2019

O contágio da conjuntivite aumenta expressivamente no verão porque, durante a estação, as pessoas ficam mais tempo ao ar livre, em contato maior com outras pessoas, facilitando a propagação do vírus.

 

Quais os tipos de conjuntivite?

A inflamação da conjuntiva pode ocorrer por infecção bacteriana ou viral:

  • Conjuntivite viral

Ocorre mais no calor, pois a umidade do ar favorece a disseminação do vírus, conhecido como adenovírus. É o tipo mais comum e altamente contagiosa.

Praias e piscinas contaminadas também são formas importantes de transmissão, mas é importante ressaltar que, para ser infectado, é necessário o contato com o vírus, através de secreção ou por pertences pessoais de quem já está infectado, tais como óculos, maquiagem, toalha e uso prolongado de lentes de contato. Embora muitos acreditem, esse tipo de conjuntivite não é transmitido pelo ar.

  • Conjuntivite bacteriana

Não tão comum quanto o tipo viral, porém pode ser mais perigosa. É transmitida através do contato direto com a bactéria. Portanto, se a pessoa encostar nos olhos ou em algum local contaminado, ela será infectada. A contaminação ocular com bactérias se dá por transmissão igual ao tipo viral.

  • Reação alérgica

Conhecida como conjuntivite alérgica (sazonal), é causada por alergia a substâncias como ácaros, pólen ou perfumes em spray. Provoca vermelhidão e coceira, não sendo transmitida por contato.

  • Irritação

Conhecido como conjuntivite irritativa ou tóxica, esse tipo ocorre quando o olho entra em contato com um agente químico, tais como shampoo, sabão, sabonetes, spray, água clorada, produtos de limpeza, venenos agrícolas, inseticida, poluição do ar e fumaça (cigarro). Em alguns casos, a irritação ocorre quando se esfrega o olho com um cílio solto dentro dele.

Bastante raro, esse tipo é muito perigoso. Se não tratado da forma correta, pode trazer sérias complicações para a visão.

  • Fungos

Mais rara entre todos os tipos, a conjuntivite fúngica ocorre quando uma pessoa machuca os olhos com madeira. Por ser muito difícil de tratar, pode causar complicações severas na visão.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Como a conjuntivite se desenvolve?

A condição provoca vermelhidão e inflamação da fina camada de tecido que envolve o globo ocular e a parte interna das pálpebras (chamada conjuntiva), por esse motivo que as pessoas frequentemente se referem a conjuntivite, como olhos vermelhos.

Outros sintomas incluem coceira, irritação e ardência e, às vezes, um revestimento pegajoso (secreção com muco e pus) ao redor dos olhos, sensação de corpo estranho nos olhos, como se tivesse areia, fotofobia (sensibilidade à luz) e lacrimejamento.

A conjuntivite pode afetar um olho no começo, mas geralmente afeta os dois olhos depois de algumas horas.

A partir de qualquer um desses sinais, recomenda-se procurar um médico para que ele faça o diagnóstico e oriente o tratamento correto.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Como é feito o tratamento da conjuntivite?

Na maioria dos casos de conjuntivite, os sintomas e a doença se findam em 10 dias, sem que seja necessário qualquer tipo de tratamento.

Não utilize medicamentos sem orientação médica, alguns colírios são altamente contraindicados porque podem provocar sérias complicações e agravar o quadro.

Cuidados especiais com a higiene ajudam a controlar o contágio e a evolução da conjuntivite viral.

Se você tem alergia ou intolerância a algum produto químico, mantenha-se longe dele, durante e depois da infecção.

Para aliviar os sintomas, lave os olhos e faça compressas com água gelada, que deve ser filtrada e fervida, ou com soro fisiológico.

A conjuntivite pode ser altamente contagiosa, especialmente duas semanas após os sinais e sintomas começarem. O diagnóstico precoce e o tratamento podem proteger a transmissão para as pessoas ao seu redor.

 

Para informações sobre nossos exames, acesse:

www.richet.com.br/exames/

 

Para informações e agendamento de exames, entre em contato através de nossos canais de comunicação direta:

- Central de Relacionamento: (21) 3184-3000

- Contato Site: www.richet.com.br/contato-cliente/

- Coleta Domiciliar: www.richet.com.br/agendamento-de-exames/

- Chat Online: http://bit.ly/Chat_Online_Richet